Bob Vylan - Bob Vylan Presents The Price Of Life
Jun 26, 2022
82
Esse álbum me pegou de surpresa! Não esperava nada de muito especial, mas acabei sendo servido por uma combinação de gêneros que ainda não havia experimentado.

'Bob Vylan Presents The Price Of Life' é no fim das contas um disco que pretende ser ao menos rock, mas com claras e evidentes influências do Rap/Hip Hop. É curioso acompanhar como essa combinação - impensável por mim até então - se desenrola com o avançar da tracklist. Além dessas sonoridades, algumas faixas têm a presença de sintetizadores que trazem uma ambiência diferente para a pretensão do projeto, deixando-o mais urbano. No entanto, falo isso em tom positivo, existe uma solidez sofisticada entre as ideias de produção que o álbum percorre, sem que ele fique com um excesso tão grande de informações ou acabe por ser uma mistura sem direção alguma.

Para completar o pacote, o duo nos apresenta letras incisivas que vem para tratar de, em geral, problemáticas sociais. A exemplo, 'Take That' faz uma crítica forte ao capitalismo, as desigualdades geradas, a concentração de riquezas..., Bob Vylan cita personalidades britânicas na faixa, como Churchill, mas a música consegue gerar identificação a quem tem o mínimo de consciência de classe. Bom, não vou me concentrar em destrinchar todas as músicas, mas com o próprio nome do disco é possível capturar que ele se preocupa em trazer faixas complexas que dialoguem sobre problemas cotidianos de minorias sociais. Apesar de ser deveras interessante, senti um certo cansaço a partir da 12.ª faixa. O álbum é frenético do início ao fim e penso que, a quantidade de músicas para a complexidade que ele oferece, deveria ser melhor pensada; são muitas informações para digerir.

Entretanto, o álbum foi uma grande novidade. Havia adicionado ele em minha biblioteca por que estou decidido a explorar algumas vertentes do rock, gênero que gradativamente vem crescendo em minha experiência musical. Felizmente encontrei esse disco maravilhoso que combina uma sonoridade inovadora e inteligente com letras políticas. Sendo um conjunto tão completo, me vi levemente perdido de modo que não sabia o que acompanhar, a produção ou a parte lírica.

Destaques: Wicked & Bad; Take That; He Sold Guns; Pretty Songs; GDP.

Comments
Sign in to comment.
Advertisement
Rate and review albums along with the AOTY community. Create an account today.
Become a Donor
Donor badge, no ads + more benefits.
More Reviews
klctht
Doofy
FatalNoise
AyeItsJoey
TheCarioca
ToThePoint
Fantasio
Memecube
MinatoArisato
Sykelone
Do_You_Think_So
tommy_lindsey
NTTR
5oftunicorn_
tristanm

January Playlist
AOTY Discord